Huambo: Vice-governador quer rigor na gestão dos projectos de combate à pobreza

Vice-governador para o sector economico e produtivo, Joaquim da Conceição (Foto: Edilson Domingos)
Vice-governador para o sector economico e produtivo, Joaquim da Conceição (Foto: Edilson Domingos)
Vice-governador para o sector economico e produtivo, Joaquim da Conceição (Foto: Edilson Domingos)

O vice-governador da província do Huambo para o sector Económico, Joaquim Rodrigues da Conceição, exigiu hoje, quarta-feira, na vila municipal do Londuimbali, 92 quilómetros a norte da capital provincial, mais rigor e responsabilidade dos administradores na execução e selecção dos projectos de combate à pobreza.

O também coordenador da Unidade Técnica Provincial de Combate à Pobreza afirmou que, com a redução da quota financeira para os investimentos públicos, as administrações têm que executar as acções que contribuam realmente na resolução dos problemas da população.

Mostrou-se indignado com os resultados negativos registados em Fevereiro na execução dos programas de combate à pobreza, o que motivou a elaboração de novas metas para correcção dos erros.

Joaquim da Conceição manifestou-se também preocupado com o atraso que se regista na execução das obras escolares no município do Londuimbali, numa altura em que muitos alunos estudam em locais impróprios, incluindo por baixo de árvores e debaixo de sol.

O vice-governador para o sector económico na província do Huambo disse ser necessário que as administrações acompanhem a execução dos projectos em curso nas suas áreas de jurisdição, principalmente no sector social, como postos de saúde e escolas.

Nesta província o programa de combate à pobreza está a beneficiar directamente, este ano, mais de 13 mil famílias, das 50 mil previstas nos 11 municípios. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA