Ler Agora:
Coreia do Sul: Autoridades investigam eventuais ligações entre atacante de embaixador e Pyongyang
Artigo completo 1 minutos de leitura

Coreia do Sul: Autoridades investigam eventuais ligações entre atacante de embaixador e Pyongyang

(EURONEWS)

(EURONEWS)

As autoridades sul-coreanas estão a investigar eventuais ligações entre a Coreia do Norte e o autor do ataque ao embaixador dos Estados Unidos da América, em Seul, Mark Lippert.

O diplomata norte-americano foi atacado na face, na quinta-feira, por um nacionalista sul-coreano em protesto contra o início dos exercícios militares liderados por Washington, na região.

O primeiro-ministro da Coreia do Sul visitou Lippert no hospital e espera que o incidente não coloque em causa a aliança entre os dois países. Lee Wan-Koo repudiou, ainda, a declarações do regime de Pyongyang relativas ao incidente.

O atacante, um sul-coreano de 55 anos, utilizou uma faca de cozinha para esfaquear, na face, o embaixador norte-americano.

Kim Ki-Jong foi, já, acusado pelas autoridades de tentativa de homicídio.

Esta não é a primeira vez que o nacionalista sul-coreano tenta atacar um diplomata. Em 2010 tentou agredir o embaixador do Japão, em Seul. Um ato que lhe valeu uma condenação de prisão com pena suspensa. (euronews.com)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »