Benguela: Governador avalia condições para reassentamento das famílias sinistradas

Isaac dos Anjos, Governador provincial (Foto: ANGOP)
 Isaac dos Anjos, Governador provincial (Foto: ANGOP)

Isaac dos Anjos, Governador provincial (Foto: ANGOP)

O governador de Benguela, Isaac Maria dos Anjos, trabalhou domingo nos municípios da Catumbela e Lobito, com vista a avaliar as condições para o reassentamentos da população sinistrada, que terá início terça-feira próxima.

Durante a visita de campo, Isaac dos Anjos observou o terreno localizado no bairro do Alto-Niva, município da Catumbela, onde serão montadas 20 tendas T-12 para alojar temporariamente 40 famílias afectadas pela calamidade.

Já no município do Lobito, o governador visitou outra zona com oito hectares de terreno que albergará os sinistrados da região, onde já foram montadas 57 tendas para mais de 50 famílias.

O governador garantiu que as condições primárias para o reassentamento das populações vítimas da calamidade estão a ser criadas no sentido de dar uma solução sustentável.

Isaac dos Anjos informou ainda que neste momento decorrem trabalhos de montagem do acampamento de transição para um período não superior a três meses e posteriormente receberem os seus lotes de terreno com o devido material para iniciarem as construções definitivas.

O governante fez saber que, para se prevenirem mais riscos, mais de 400 lotes serão distribuídos nos próximos tempos.

Garantiu que os 870 alunos afectados pela obstrução das escolas irão retomar as aulas normais num período não superior a cinco dias.

Entretanto, a chuva que se registou no dia 11 de Março causou até ao momento a morte de 69 pessoas e provocou o desabamento de 119 casas, duas igrejas e a inundação de 10 escolas. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA