Análise da economista “Vera Daves” sobre a aprovação do Orçamento Geral do Estado de 2015.

A economista Vera Daves (Foto: D.R.)
A economista Vera Daves (Foto: D.R.)
A economista Vera Daves
(Foto: D.R.)

A Televisão Pública de Angola convidou alguns analistas nacionais para se pronunciarem sobre a revisão e aprovação pela Assembleia Nacional, do Orçamento Geral do Estado, OGE 2015.

Trata-se de uma matéria importante para a vida dos angolanos, que recebem 2015, com uma crise profunda, que mexe com toda a sociedade, criando apreensões de toda a sorte. Os especialistas convidados fazem uma abordagem técnica sobre as diversas componentes do OGE, que apela à austeridade.

Conforme disse Vera Daves “é um exercício de pôr os pés no chão. De enfrentar uma realidade que é incontornável e fazer uma gestão de identificação de prioridades para conseguir assegurar que o mais importante que é aquilo que vá assegurar o desenvolvimento económico e bem estar estar da população a médio e longo prazo aconteça ainda que numa fase inicial todos nós sejamos chamados a consentir alguns tipos de sacrifícios ou o nosso padrão de consumo, nalguns casos há a possibilidade de alterar para que todos nós contribuamos para que se inverta essa tendência de gastos excessivos; apresentar essa oportunidade para num cenário mais restritivo para aproveitar mudar mentalidades e introduzir a disciplina e o incentivo ao investimento, no dia a dia das pessoas”.

Vera Daves adianta que devemos a aproveitar esta oportunidade para sermos mais produtivos e eficientes”.

Vejamos a sua intervenção, nos ecrans da TPA.
(tpa.ao)

(Video)

DEIXE UMA RESPOSTA