Ler Agora:
Professores caboverdeanos ameaçam com greve nacional a 24 de fevereiro
Artigo completo 2 minutos de leitura

Professores caboverdeanos ameaçam com greve nacional a 24 de fevereiro

Foto do blog Esquina do Tempo do Prof. Brito-Semedo, com a devida vénia (DR)

Foto do blog Esquina do Tempo do Prof. Brito-Semedo, com a devida vénia
(DR)

Os professores cabo-verdianos, estão mais do que nunca, decididos a avançar, com greve nacional, já no dia 24 de Fevereiro, caso o governo, não publique, no Boletim Oficial, as reivindicações, como requalificações.

As negociações, que vinham decorrendo, entre os sindicatos dos professores e o Ministério da Educação, em Cabo Verde, mediadas pela Direcção-Geral do Trabalho, falharam, pelo que, vai mesmo, haver greve nacional, já na próxima semana, 24 e 25 de Fevereiro.

Foi esta, pelo menos, a declaração, que Jorge Cardoso, Secretário Permanente dos Sindicatos Nacionais dos Professores, fez à imprensa, na capital cabo-verdiana, Praia:

“Não há resolução dos pendentes, não há um tempo, para essas resoluções, de modo que, não há nenhuma outra alternativa, que não seja, avançar para a greve, que terá o seu início no dia 24 [de Fevereiro] às 7 horas e 30, de manhã, até às 19 horas, do dia 25”.

Por seu lado, João Pedro, Presidente da Federação Cabo-verdiana do Professores, declarou, igualmente, aos jornalistas, que “é claro que para os pais e encarregados de educação que, indirectamente, poderão afligir-se, com esta situação, mas é uma forma, de poderem valorizar, a nossa classe docente”.

Mas, os professores, deixaram uma porta entreaberta, dizendo que para que não haja greve, o governo tem de cumprir com o que prometeu, fundamentalmente, “requalificações, progressões, entrada no quadro profissionalizado e subsídio pela não redução da carga horária”, que têm de ser, devidamente, publicados no Boletim Oficial.

Logo a seguir, vem a ameaça, dos Sindicatos dos professores, segundo a qual, “se a greve nacional, não surtir efeito, vão congelar as notas dos alunos, no fim do segundo trimestre”, do ano lectivo. (rfi.fr)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »