Ler Agora:
Pistola liga Nero ao decapitador
Artigo completo 2 minutos de leitura

Pistola liga Nero ao decapitador

 

 

Nero Saraiva mostrou na net a Glock 19 que é associada à 'Jihadi John' (Foto: D.R.)

Nero Saraiva mostrou na net a Glock 19 que é associada à ‘Jihadi John’
(Foto: D.R.)

Saraiva, de 28 anos, trocou há dez anos Portugal por Inglaterra, onde tem quatro filhos.

Uma Glock 19 com um carregador de grande capacidade. A arma, que surge em fotos distintas na posse de Nero e de ‘Jihadi John’, o britânico que decapita em vídeo reféns do Estado Islâmico, é a principal pista das secretas europeias na tese de que o português faz parte da liderança da organização terrorista. Nero Saraiva, de 28 anos, é um dos mais destacados jihadistas portugueses na Síria. Tal como o CM noticiou em outubro, nasceu em Angola, mas aos dois anos mudou-se para Coimbra e esteve num colégio de freiras. Há dez anos foi para Londres, onde tem quatro filhos e onde estudou.

“Foi um choque. Infelizmente, acho que já não volta”, contou ao CM o pai do jovem. Nero fala esporadicamente com a família e confia num padre católico de Londres para essa ligação.

No ano passado o seu nome surgiu na investigação a um atentado falhado no Leste de África, pelo grupo al-Shabaab (filiado na al-Qaeda). Terá fornecido as armas.

Ontem, a Procuradoria-Geral da República confirmou à Lusa a existência de vários inquéritos a factos relacionados com o Estado Islâmico em Portugal. Um deles é o caso, noticiado pelo CM, de um açoriano de 48 anos que usou as redes sociais para louvar a jihad.

Foi interrogado pela PJ e descartada a sua ligação a terroristas. Está internado numa unidade de psiquiatria. (cmjornal.xl.pt)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.