Ler Agora:
Kyaku Kyadaff e Ary os mais premiados no Top Rádio Luanda
Artigo completo 3 minutos de leitura

Kyaku Kyadaff e Ary os mais premiados no Top Rádio Luanda

(tpa.ao)

(tpa.ao)

Kyaku Kyadaff conquistou os troféus de Melhor Voz Masculina Revelação do ano, Melhor Kizomba e Voz Masculina do ano, com o tema “Entre 7 e 7 Rosa”, enquanto Ary venceu as categorias de Melhor Folclore do ano, com a canção “Pelo menos 50”, dueto com Titica, Melhor Vídeo Clipe de produção nacional, com o mesmo tema, e Melhor Show, realizado pela LS Republicano, no Cine Atlântico.

Big Nelo, um dos melhores rapper do país, foi o grande vencedor da categoria Prémio Carreira, segundo a organização, por ser um músico regular da sua geração. Big Nelo revelou que o prémio dignifica o sucesso que granjeou durante três décadas no music hall nacional, iniciado nos anos 80.
O fundador do SSP, visivelmente feliz e sem muitas palavras para dizer, dedicou o prémio ao seu avô Mendes de Carvalho e aos seus fãs, por ser o primeiro troféu desta natureza que recebe. O prémio de Melhor Rapper do ano foi atribuído ao músico Yannic, dos Afro Man.

O troféu de Melhor do R&B do ano ficou com Cef, enquanto na categoria de Afro House do ano foi entregue a Bebucho que Cuia, autor do tema “Encosta na dama do outro”.

Yuri da Cunha, um dos grandes porta-bandeira da música nacional, arrebatou o troféu na categoria de Melhor Versão, da canção originária “Regressa”, de Euclides da Lomba.

No kuduro, Karliteira com o “Botão” superou Noite e Dia, com o tema “Pisou Bico”. Gabriel Tchiema venceu em duas categorias, a saber: a de Melhor Produção Discográfica do ano e Afro Jazz. A voz feminina revelação do ano foi atribuída a Anna Joyce, autora de “Melhor que Tu” ao passo que, Bruna Tatiana com “Meu Tudo” foi considerada a Voz Feminina do ano. A cantora agradeceu Matias Damásio por ser o obreiro do grande sucesso que está a ter com os temas “Eu Falhei”, “Eu Cansada” e “Te Quero Bué”.

Titita venceu na categoria de Melhor Semba com o tema “Makongo”, com a participação de Paulo Flores. A organização distinguiu com diploma de mérito alguns centros culturais da capital, que regularmente promovem espectáculos para divulgar a música nacional, com destaque para o Centro Recreativo Kilamba, Casa 70, Resort Ban Tu, O Cantinho de Catete e a Associação Chá de Caxinde.

Os produtores e compositores Kenny Bus, Punidor, Dj Mania, Chico Viega e Heavy C receberam menções honrosas.

A gala do Top Rádio Luanda, que na edição 2015 abre a categoria de Melhor Música Gospel, serviu para homenagear a música evangélica nacional, tendo a organização convidado algumas vozes da nova geração para fazerem a abertura da “festa”, com destaque para Dodó Miranda, Célsio Mambo, Bambila, Miguel Buila e Lioth Kassoma.

A gala do Top Rádio Luanda, edição 2014, presenciada por várias figuras da cultura, comunicação social, desporto e público em geral, com destaque para a ministra da Cultura, Rosa Cruz e Silva, e o presidente do conselho de administração da RNA, Henrique dos Santos, incluiu as apresentações de Bruna Tatiana, Titica, Karliteira e Kyaku Kyadaff.

O Top Rádio Luanda é um concurso de música angolana que visa premiar várias categorias musicais e os cantores da preferência dos ouvintes desta emissora. (tpa.ao)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »