Ler Agora:
Bié: Exploradores de diamantes instados a investir no empreendedorismo
Artigo completo 2 minutos de leitura

Bié: Exploradores de diamantes instados a investir no empreendedorismo

Carlos Sumbula, PCA da Endiama. (Foto: Angop)

Carlos Sumbula, PCA da Endiama.
(Foto: Angop)

O presidente do Conselho da Administração da Endiama E.P, António Carlos Sumbula, aconselhou, ontem, os exploradores artesanais de diamantes nas localidades de Catacala e Lubia, município da Nhârea, no sentido de investirem os recursos resultantes da venda de diamantes em projectos que incentivam o empreendedorismo naquelas circunscrições.

Em declarações à imprensa, no âmbito do lançamento de duas cooperativas de exploração artesanal de diamantes, no município da Nhârea, o governante sublinhou que a criação de pequenas e médias empresas permitirá que as famílias deixem de depender exclusivamente do negócio de diamantes.

O presidente do Conselho da Administração da Endiama E.P, António Carlos Sumbula, considerou o diamante um recurso não renovável, daí que os exploradores artesanais devem aplicar o investimento em sectores como, por exemplo, o da agricultura, comércio, turismo e outros.

Investimentos do género, no entender da fonte, vão facilitar o crescimento da localidade no domínio social e económico, de modo sustentável, com base nos recursos e na participação de todos, criando deste modo novos postos de trabalho, mormente para os jovens.

Segundo apurou a Angop no local, as cooperativas em causa vão desenvolver actividade de exploração de diamantes nas localidades de Catacala e Lubia (município da Nhârea). O projecto terá 135 patrocinadores que vão dedicar-se no fornecimento de meios para a exploração dos diamantes, cujos nomes não foram revelados.

A abertura das cooperativas de exploração artesanal de diamantes visa desencorajar a exploração ilícita de diamantes, sobretudo por estrangeiros, contribuir na melhoria da qualidade de vida das famílias, de pessoas que dedicam-se na exploração e venda de diamantes, naquela circunscrição. (portalangop.ao)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »