Ler Agora:
Aviões egípcios atacam cidade líbia e deixam 7 mortos, diz Amnistia
Artigo completo 2 minutos de leitura

Aviões egípcios atacam cidade líbia e deixam 7 mortos, diz Amnistia

(REUTERS)

(REUTERS)

Sete civis foram mortos quando aviões egípcios atacaram supostos alvos de militantes islâmicos na cidade líbia de Derna, na semana passada, informou a Amnistia Internacional nesta segunda-feira, citando testemunhas.

O Egipto havia realizado ataques aéreos na segunda-feira passada contra alvos do Estado Islâmico, um dia depois de o grupo militante divulgar um vídeo que mostra a decapitação de um grupo de cristãos egípcios.

No domingo, o presidente do Egipto, Abdel Fattah al-Sisi, disse que a Força Aérea tinha atingido 13 alvos seleccionados após um estudo cuidadoso e exame “com precisão” para evitar vítimas civis.

Mas a Amnistia, com sede em Londres, disse num relatório que “novos depoimentos de testemunhas oculares… indicam que a Força Aérea egípcia não tomou as precauções necessárias na realização de um ataque que matou sete civis num bairro residencial na cidade líbia de Derna em 16 de Fevereiro”.

“O Egipto se juntou às fileiras daqueles que colocam em risco os civis na Líbia”, disse Hassiba Hadj Sahraoui, vice-director para Oriente Médio e norte da África da Amnistia Internacional.

“A morte de sete civis, seis deles em suas próprias casas, deve ser investigada, uma vez que parece ter sido desproporcional”, completou.

A Amnistia afirmou que gatos egípcios atingiram principalmente alvos militares em Derna, mas testemunhas disseram que dois mísseis caíram em áreas residenciais densamente povoadas perto da universidade da cidade. (reuters.com)

por Ulf Laessing

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »