Serra Leoa: Jornalista é preso após comparar presidente a um rato

Presidente Ernest Bai Koroma (Foto: D.R.)
Presidente Ernest Bai Koroma (Foto: D.R.)
Presidente Ernest Bai Koroma (Foto: D.R.)

A polícia de Serra Leoa prendeu o jornalista e editor de um jornal depois de um artigo comparando o presidente do país, Ernest Bai Koroma, a um rato, de acordo com informações publicadas pelo britânico The Guardian.

Jonathan Leigh, editor do Independent Observer, foi detido com Bai Bai Sesay, empregado do jornal, por alegadamente violar uma lei pública por difamação. Nenhum dos dois ainda foi acusado formalmente.

O editorial, sobre um suposto atrito entre Koroma e o vice-presidente, Sam Sumana, diz que o presidente “é considerado um elefante, mas se comporta como um rato e deveria ser tratado como um”.

Ibrahim Koroma (sem vínculo com o presidente), chefe do departamento de investigações criminais do país africano, afirmou que o jornalista “está trazendo o nome do presidente Koroma e de todo gabinete em descrédito”.

Ernest Bai Koroma, ex-executivo do ramo de seguros, foi eleito em 2007. Durante seu mandato, o governo de Serra Leoa tem sido tolerante com as críticas negativas e fez poucas restrições na mídia. No entanto, Sylvia Blyden, assistente do presidente e editor de um jornal pró-governo, afirmou no começo do ano que a imprensa deveria se preparar para uma longa “sanitização”. (terra.com.br)

DEIXE UMA RESPOSTA