Projekta 2013 constitui espaço de geração de negócio e investimento

Projekta by Constrói Angola (DR)
Projekta by Constrói Angola (DR)
Projekta 2013 Angola (DR)

O presidente do grupo Arena, Bruno Albernaz, afirmou quinta-feira, em Luanda, que a 11ª edição (Projekta 2013) procura ser um espaço de geração de uma maior complementaridade de negócio e investimento para os agentes económicos e a criação de uma mostra significativa das potencialidades de Angola.

Falando no acto de abertura do certame, o responsável referiu que gradualmente a natureza do evento foi-se modificando, deixando de estar apenas ligado às grandes obras públicas, passando a estar aberto a novas variantes da construção civil, com realce para projectos arquitectónicos, urbanísticos e paisagísticos, planeamento e tecnologias da construção.

Fez saber que a 11ª edição da Projekta conta com mais de 530 expositores, um crescimento de 36 porcento face a 2012, e uma área de ocupação de 16 mil 200 metros quadrados.

A acompanhar este crescimento, a organização lança algumas novidades que visam potenciar uma mostra mais significativa da Projekta, nomeadamente a 1ª Conferência de Arquitectura e Urbanismo, que irá colocar a debate questões como a regeneração urbana e ordenamento territorial, importantes e cruciais na reconstrução nacional de Angola.

Considerou que a aposta na internacionalização da Projekta tem sido outra das prioridades da organização. No decorrer desta edição a organização conta já com a participação oficial do Brasil, Portugal, Turquia África do Sul, China, Egipto, Emirados Árabes Unidos, Espanha, Índia, Itália, entre outros. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA