Portugal: “Dona branca” burlou médico jurista e empresários

(Foto João Manuel Ribeiro/Global Imagens)
(Foto João Manuel Ribeiro/Global Imagens)
(Foto João Manuel Ribeiro/Global Imagens)

A “Dona Branca” de Matosinhos conseguiu, em quatro anos, apoderar-se de 865 mil euros de 12 investidores atraídos pela promessa de juros mensais de até 20%. Entre as vítimas, está o seu próprio médico.

Cristina Maria Magalhães Teixeira, de 45 anos, começa a ser julgada depois de amanhã, no Tribunal de Matosinhos. Será o primeiro grande julgamento desta falsa solicitadora, falsa economista e ainda falsa gestora de patrimónios que, segundo o Ministério Público, desenvolveria atividades ilícitas desde 2007. Mas a sua fama já é anterior, tendo sido condenada por outros delitos, embora nunca antes presa. (jn.pt)

DEIXE UMA RESPOSTA