Passos Coelho reitera ideia de crescimento em Portugal em 2014

(Foto: TSF)
(Foto: TSF)
(Foto: TSF)

No final da Cimeira Ibero-Americana, o primeiro-ministro disse que o ritmo de contração tem vindo a reduzir-se em Portugal e que se prevê que o «país regresse ao crescimento» em 2014.

O primeiro-ministro reiterou, este sábado, a ideia de que haverá crescimento económico em Portugal em 2014 e garantiu que a «recuperação está à vista».

No final da Cimeira Ibero-Americana, que decorreu no Panamá, Pedro Passos Coelho, com o Presidente da República Cavaco Silva ao seu lado, admitiu que a Europa passou por um momento difícil, mas garante que o presente já é animador.

«As economias da União Europeia, após um longo período recessivo, começam agora a dar sinais encorajadores. É com satisfação que observamos que a produção industrial tem aumentado, a confiança dos mercados está a regressar», frisou.

Diante dos parceiros da América Latina, Passos Coelho notou ainda que as «bolsas têm apresentado bons resultados, as perspetivas de negócios têm vindo a melhorar de forma consistente e a confiança dos consumidores tem subido acentuadamente».

Relativamente a Portugal, o chefe do Governo disse que a «balança de transações correntes, estruturalmente negativa, deverá agora ser globalmente equilibrada».

«O ritmo da contração tem vindo a reduzir-se e apesar da redução do défice público que prosseguirá no próximo ano, prevê-se que em 2014 o país regresse ao crescimento com uma economia mais competitiva», garantiu. (tsf.pt)

DEIXE UMA RESPOSTA