Malanje: Governador quer contacto permanente com a população

Governador da província de Malanje, Norberto dos Santos "Kwata Kanawa" (Foto: Angop/arquivo)
Governador da província de Malanje, Norberto dos Santos "Kwata Kanawa" (Foto: Angop/arquivo)
Governador da província de Malanje, Norberto dos Santos “Kwata Kanawa” (Foto: Angop/arquivo)

O governador da província de Malanje, Norberto dos Santos “Kwata Kanawa”, quer que os directores provinciais e administradores municipais tenham contacto permanente e mais aberto com a população, para identificar as preocupações e prestar melhor atendimento.

Norberto dos Santos “Kwata Kanawa” fez essas declarações após ter conferido posse, quarta-feira, aos novos directores provinciais, administradores municipais, chefes de secções e responsáveis de algumas unidades hospitalares e escolares.

O governador sublinhou que o contacto com a população deve ser evidenciado para auscultar os seus anseios e, por via disso, buscar junto do governo vias de satisfação.

“Faço votos que possam cumprir com lealdade e honestidade as funções para as quais foram empossados”.

Disse ser necessário respeitar os cidadãos, sobretudo, nas áreas de atendimento directo ao público.

Manifestou a sua disposição e dos vice-governadores provinciais em prestar todo o apoio institucional necessário aos quadros empossados.

O governador anunciou, na ocasião, a realização este ano da reunião do Conselho Provincial de Auscultação e Concertação Social, a fim de apresentar as quotas fixadas pelo Executivo angolano para a província.

Disse tratar-se de quotas relativas ao Orçamento Geral do Estado (OGE) e ao Programa de Investimento Público (PIP).

“Por esse facto é imperioso a entrega dos quadros na materialização das acções ligadas a estes aspectos, passando necessariamente pela colaboração da juventude e das mulheres”.

Realçou que a referida colaboração deve passar, também, pela acção das igrejas, dos camponeses e de cidadãos de todos os extractos sociais, para permitir que todos trabalhem para dar soluções aos problemas da província.

Entre os empossados destacam-se os directores provinciais da Comunicação Social, Simão Marcos, dos Transportes, Correios e Telecomunicações, Cardoso Bernardo Balanga, da Cultura, José da Costa Gaspar e do Comércio, Turismo/Hotelaria, José Domingos André.

Foram igualmente empossados os directores provinciais da Indústria, Geologia e Minas, Mudile Luís Chiquito, da Família e Promoção da Mulher, Correia dos Santos Maiato, da Assistência e Reinserção Social, Isabel Roque, da Agricultura Desenvolvimento Rural e Pescas, João António Manuel, bem como da Juventude e Desportos, Caetano Tinta.

A lista de empossados prossegue com os administradores de Caculama, Joaquim Virgílio Gomes, de Calandula, Nuno de Oliveira Chiquito, de Cacuso, Tomás da Conceição, de Massango, Daniel Ferraz, de Kambundi-katembo, Francisco Muta Cambo, de Marimba, Maurício Ambriz e de Luquembo, Alcino Cabeto Siabala.

O governador empossou também assessores dos vice-governadores provinciais para os sectores Político e Social, Económico e Técnico e Infra-estruturas, assim como chefes de unidades hospitalares. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA