Kuando Kubango: Província conta com sete magistrados do Ministério Público

(Foto: RNA)
(Foto: RNA)
(Foto: RNA)

A província do Kuando Kubango, com uma população estimada em setecentos mil habitantes conta desde o inicio desta semana com sete magistrados do ministério público, com a apresentação dos dois novos juízes em Menongue, feita pelo Procurador-Geral adjunto da república, Agostinho dos Santos.

O procurador provincial adjunto da República no Kuando Kubango, Benza Zanga, na ocasião considerou que os novos magistrados vão minimizar a carência com que a província se deparava com relação a magistratura.

Segundo o juiz, a medida que vão ser criadas as condições para a sua habitabilidade condigna, por formas a servir melhor a população, os magistrados poderão trabalhar nos municípios, sem referir datas.

De acordo com o responsável, numa fase inicial, os juízes vão trabalhar de forma “itinerante” no tribunal provincial, tendo assegurado que em alguns momentos, os magistrados terão que se deslocar aos municípios para fazer o levantamento da situação delituosa, tendo garantido que o governo trabalha afincadamente no sentido da criação de infra-estruturas nos municípios, para que o exercício da magistratura seja realizado localmente em curto espaço de tempo.

Benza Zanga que falava no final da apresentação dos dois juízes, fez saber que os casos mais frequentes em termos de criminalidade são os homicídios, violência doméstica, ofensas corporais, a falta reiterada de prestação de alimentos, fuga a paternidade, entre outros.

Salientou igualmente que, a instituição que dirige tem desenvolvido campanhas de sensibilização e acções pedagógicas à população, com vista a divulgar o papel das instituições do estado e da constituição do estado, por formas a reduzir a criminalidade e a evitar a realização de justiça “por mãos próprias”. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA