Holanda: Governo pede libertação de tripulação do navio do Greenpeace

Protesto do Greenpeace contra a detenção dos ambientalistas (Foto: GETTY)
Protesto do Greenpeace contra a detenção dos ambientalistas (Foto: GETTY)
Protesto do Greenpeace contra a detenção dos ambientalistas (Foto: GETTY)

As autoridades russas detiveram, em setembro, a tripulação de um navio do Greenpeace.

O Governo holandês pediu hoje ao Tribunal Internacional do Direito do Mar que ordene a Rússia a libertar a tripulação de um navio do Greenpeace, noticia a agência Reuters.

“O Estado pede a libertação da tripulação detida e do barco, que está registado na Holanda”, refere o ministério holandês dos Negócios Estrangeiros em comunicado

A 18 de setembro, as autoridades russas prenderam a tripulação do “Arctic Sunrise”, onde seguiam 28 ambientalistas e dois jornalistas, que pretendiam invadir uma plataforma petrolífera da Gazprom, no mar Ártico.

Os detidos enfrentam agora acusações de conspiração e penas que podem chegar aos 15 anos de prisão. A justiça russa tem negado, até ao momento, a hipótese dos presos aguardarem o julgamento em liberdade. (expresso.pt)

Por Carolina Reis

DEIXE UMA RESPOSTA