Guiné-Equatorial/Vaticano: Papa e PR Teodoro Obiang ratificam acordo entre Igreja e Estado

Papa Francisco (Foto: D.R.)
Papa Francisco (Foto: D.R.)
Papa Francisco (Foto: D.R.)

Cidade do Vaticano – O papa Francisco e o presidente da Guiné – Equatorial, Teodoro Obiang, ratificaram nesta sexta-feira um acordo que define as relações entre a Igreja católica Romana e o Estado equato – guineense, assinado a 13 de Outubro na localidade de Mongomo de Guadalupe (Guiné – Equatorial) .

A ratificação do acordo foi feito numa audiência que decorreu numa “atmosfera cordial” e serviu para debater vários temas, incluindo o contributo da Igreja para o desenvolvimento da Guiné – Equatorial, em especial na educação e assistência “para melhorar o nível de vida da população”, de acordo com um comunicado do Vaticano.

O acordo resulta “de alguns anos de negociações, marcadas por um espírito de diálogo construtivo” e implica o “reconhecimento pelo Estado do grande trabalho que a Igreja católica desenvolve ao serviço da Guiné Equatorial”, acrescentou.

Nos 19 artigos e protocolo adicional “reconhece-se a personalidade jurídica da Igreja (…) e trata também do casamento canónico, dos lugares de culto, das instituições educativas e a assistência espiritual aos fiéis católicos nos hospitais e nas prisões”, indicou o comunicado.

Na visita ao Vaticano, Obiang reuniu-se também com Dominique Mamberti, secretário de Estado para as Relações com os Estados.

A população da Guiné – Equatorial é maioritariamente cristã (93%). Os católicos representam 87% e os protestantes são 5%.   (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA