Grupo Parlamentar da UNITA manifestou pesar pelo falecimento de Aurélio João Evangelista, “Zito Kalhas”

(Foto: UNITA)
(Foto: UNITA)
(Foto: UNITA)

O Grupo Parlamentar da UNITA manifestou ontem o seu pesar pelo falecimento de Aurélio João Evangelista, “Zito Kalhas”, director da Rádio Despertar, ocorrido no dia 17 de Outubro passado em Pretória, África do Sul, vítima de doença.

Ao endereçar, em nome dos seus deputados e funcionários, sentimentos de “profundo pesar à família enlutada”,  o Grupo Parlamentar da UNITA evocou o “seu percurso, como jornalista e quadro dirigente,” que “deu alma ao sector da Comunicação Social da UNITA, na VORGAN – Voz da Resistência do Galo Negro, onde foi Director Geral, bem como no Jornal Terra Angolana e na agência de notícias Kwacha UNITA Press”, salientando ainda a “sua liderança” da “Juventude Unida Revolucionária de Angola-JURA, e a criação do Centro de Formação Integral da Juventude- CENFIN, como esteio da formação académica, patriótica, profissional e sócio-cultural da juventude nas então Terras Livres de Angola, hoje transformados em quadros valiosos em vários sectores da vida do país.”

“Homem de desporto e de letras, Aurélio João “Kalhas” teve passagem notória nos clubes desportivos em que militou, para além de ter deixado obras escritas por publicar, quer sejam ensaios ou poesia.” – refere ainda o Grupo Parlamentar da UNITA.

“Ficam igualmente registadas as suas passagens bem-sucedidas nas Direcções do Ministério da Comunicação Social do GURN, do Secretariado da Informação da UNITA, e finalmente da Rádio Despertar, tendo contribuido na inovação destas instituições e na elevação do seu desempenho.” – adianta ainda a nota enviada à Redacção de Portal de Angola.

DEIXE UMA RESPOSTA