Carrapatoso: Passos Coelho tem de exercer «liderança mais activa»

(Foto: TSF)
(Foto: TSF)
(Foto: TSF)

António Carrapatoso considera que o Governo pode e deve governar melhor, acusa Passos Coelho de falta de liderança e ainda não decidiu se apoia o actual primeiro-ministro numa eventual recandidatura.

O presidente não executivo da Vodafone e principal rosto do movimento Mais Sociedade – lançado em 2011 pelo chefe de governo, então líder da oposição – foi um dos principais apoiantes de Pedro Passos Coelho, mas entende que o primeiro-ministro tem de esforçar-se mais no capítulo da liderança do executivo.

Carrapatoso reconhece que «o primeiro-ministro tem vindo a evoluir e a perceber que é preciso exercer uma liderança mais activa» mas sublinha que a liderança do executivo «será uma das áreas em que terá de melhorar. Na liderança, na coordenação do governo e no estabelecimento de prioridades, e em manter o ritmo do governo adequado para as necessidades do país, e julgo que ele estará consciente disso».

O principal mentor dos movimentos “Mais Sociedade” e “Compromisso Portugal” enfatiza no entanto que «o primeiro ministro é uma pessoa séria e empenhada e isso é algo evidenciado pela sua atuação»

Apoio a uma eventual recandidatura de Passos Coelho

Carrapatoso, defensor de políticas liberais, considera que o Governo poderia e deveria ter governado melhor. Afirma que o executivo foi muito tímido no confronto com os poderes estabelecidos e não tem sabido explicar a austeridade.

Motivos que ajudam a explicar que quando questionado sobre a manutenção do apoio a Passos Coelho numa eventual recandidatura a São Bento, recuse dar uma resposta taxativa, dizendo que «Não tenho de tomar essas decisão neste momento, é algo que terei de avaliar na altura própria. A minha motivação é sempre para apoiar um projecto político que ajude a criar uma sociedade melhor».

Quanto à atuação do Governo, o presidente não executivo da Vodafone admite que «não estamos a fazer o suficiente – governo, oposição e sociedade civil – para criarmos uma melhor sociedade». (tsf.pt)

Por Hugo Neutel

DEIXE UMA RESPOSTA