Arcebispo de Malanje apela cristãos a absterem-se do aborto voluntário

Dom Benedito Roberto (Foto: D.R.)
Dom Benedito Roberto (Foto: D.R.)
Dom Benedito Roberto (Foto: D.R.)

O arcebispo da Arquidiocese de Malanje, Dom Benedito Roberto, apelou hoje, quinta-feira, nesta cidade, aos cristãos e não só a absterem-se do abordo voluntário, por ser uma prática contra a lei divina, pois a vida pertence a Deus e apenas cabe a si tirá-la dos humanos.

Segundo o prelado, o abordo constitui um problema grave para a sociedade, razão pela qual chama-se a atenção dos cristãos e dos angolanos em geral a não enveredarem por este caminho.

Sublinhou que nenhuma criatura pode assumir o direito de suprimir a vida de um ser humano, porque essa atitude não se revê na identidade cultural de Angola.

Para ele, a eventual despenalização do aborto, constituiria um “atentando real a segurança nacional, à soberania e a sobrevivência do povo”.

Por outro lado, disse que a Igreja Católica congratula-se pelo facto da Constituição angolana não ter plasmado a pena de morte.

Dom Benedito Roberto exortou igualmente aos cristãos a não apoiarem projectos com leis contrárias a cultura da vida. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA