PS diz que “há convergência em muitas áreas” com parceiros sociais

imagem-imagem-img-6844uu-okO Partido Socialista (PS), que recebeu alguns parceiros sociais, considera que “há convergência em muitas áreas” e insiste na necessidade de Portugal ter “mais tempo para a consolidação orçamental”.

O secretário-geral do PS iniciou ontem uma ronda de dois dias com os parceiros sociais e, no final das reuniões, Miguel Laranjeiro, do secretariado nacional, disse aos jornalistas que “há convergência” nomeadamente na “necessidade de financiamento das empresas e de haver uma agenda para o crescimento e para o emprego”.

Interrogado sobre como gere as discussões com a Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses (CGTP), que exige a renegociação da dívida, Miguel Laranjeiro afastou a existência de divergências e defendeu que o país precisa de “mais tempo”, sem, no entanto, proferir a palavra “renegociação”.

“Nós queremos pagar as dívidas, queremos é um caminho diferente: mais tempo, menos juros e uma aposta na economia nacional. Só com economia, só com empresas que pagam impostos e só com trabalhadores que também pagam impostos é que é possível gerar riqueza suficiente para pagar as dívidas que temos”, defendeu o dirigente socialista. Ler mais

(ionline.pt)

DEIXE UMA RESPOSTA