Publicado em: Ter, Fev 26th, 2013

Editoras angolanas conquistam espaço

20130226111854editoriaA Feira Internacional do Livro de Cuba, que encerrou no domingo, em Havana, permitiu às editoras e autores angolanos conquistarem mais espaço no mercado literário daquele país e entre os seus leitores.
As seis editoras angolanas presentes na Feira do Livro – Instituto Nacional das Indústrias Culturais, União dos Escritores Angolanos, Chá de Caxinde, Mayamba, Nossomos e a Kilombelombe – mostraram aos que foram a La Cabaña o estado da literatura angolana e as suas tendências.
A promoção literária, acompanhada de um ciclo de conferências sobre a literatura angolana, ajudaram a aumentar a interacção entre leitores cubanos e autores angolanos, apesar de alguns, como Agostinho Neto, Pepetela e Uanhenga Xitu, serem já serem conhecidos e até estudados em Universidades de Havana.
Venâncio Calitangue, coordenador das editoras presentes no pavilhão de Angola, confirmou ao Jornal de Angola que a Chá de Caxinde foi a que apresentou mais títulos, 200, e que as restantes expuseram cem.
“A participação do público foi bastante positiva, apesar dos livros serem escritos em português”, salientou.
Quanto ao critério de selecção dos livros expostos, referiu que se baseou mais nos autores clássicos da literatura angolana, como Agostinho Neto, Pepetela, Boaventura Cardoso, Uanhenga Xitu e Manuel Rui Monteiro. “São os mais procurados e os seus livros os mais estudados em algumas universidades do mundo”, disse.

As editoras angolanas estabeleceram normas para venda de livros, como a conversão do valor da moeda cubana e o estabelecimento de preços promocionais.
“O objectivo não foi o lucro, mas deixar uma boa imagem da literatura angolana, de forma a poder expandir-se pelo mundo e permitir que outros escritores e leitores a conheçam melhor”, afirmou.
Os livros mais solicitados na feira, referiu, foram as obras literárias, embora as editoras tenham levado um ou outro título didáctico.

(jornaldeangola.com)

Displaying 4 Comments
Have Your Say
  1. sou Santiago tenho 19 anos sou de Angola-Lubango, só para dizer gostei e espero muito dos escritores Angolanos e das suas editoras, espero muito sucesso, já para dizer que preciso de ajuda de uma editora para me ajudar no que é o primeiro trabalho de um livro poético “romântico”

  2. Boa noite. Eu alisio ventura. Estou com 22 anos e sou de nacionalidade angola(saurimo) o meu maior sonho é de publicar a minha obra que um livro poetico e romantico. Obrigado

  3. Sou Afonso de Carvalho, tenho 21 anos, tenho o sonho de um dia publicar a minha obra que é um livro, neste mesmo livro pode ter conteúdo de romance e provérbios.

    envio minhas saudações.

  4. Sou Afonso de Carvalho, tenho 21 anos, tenho o sonho de um dia publicar a minha obra que é um livro, neste mesmo livro pode ter conteúdo de romance e provérbios.
    E algumas das minhas letras estão disponível na minha pagina do facebook: Afonso de Carvalho.

    envio minhas saudações.

Deixe um comentário

XHTML: Pode usar estas tags de html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

mirc indir mirc yukle - escort - mirc indir - sohbet -
Crónicas


Arquivo

Fevereiro 2012
S T Q Q S S D
« Jan   Mar »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272829  
Portal de Angola - Todos os direitos Reservados

Editoras angolanas conquistam espaço