Detida a “mulher mais poderosa do México”

753750Elba Esther Gordillo, que apesar de ser a mulher mais ponderosa do México é conhecida apenas por la maestra (a professora), foi detida por suspeitas de corrupção e de aproveitamento de fundos do sindicato de professores que dirige há mais de 20 anos.

O procurador-geral do México, Jesus Murillo, disse numa conferência de imprensa que Gordillo, 68 anos, teria desviado milhões de pesos para contas privadas. “Estamos claramente a falar de um caso em que o dinheiro para os trabalhadores da área da Educação foram usados ilegalmente para benefício de várias pessoas, incluindo Elba Esther Gordillo”. Fala-se de desvios da ordem dos 120 milhões de euros. O dinheiro terá sido usado para comprar bens imóveis em vários locais, incluindo nos EUA, para aviões privados e cirurgias plásticas. Ler mais

(publico.pt)

DEIXE UMA RESPOSTA