Vencedores das legislativas prometem abertura política

Secretário-geral do Movimento Ennahdha Hamadi Jebali (à direita) tranquiliza tunisinos
Secretário-geral do Movimento Ennahdha Hamadi Jebali (à direita) tranquiliza tunisinos

O secretário-geral do Movimento Ennahdha, partido político islamita, vencedor das eleições legislativas de 23 de Outubro, Hamadi Jebali, sublinhou durante uma reunião em Tunes o compromisso do seu partido de garantir a liberdade dos tunisinos, sejam eles homens ou mulheres, em matéria de opinião, associação, religião e crença.
Hamadi Jebali indicou que o Movimento Ennahdha vai dar “garantias constitucionais com vista a aplicar estes princípios”, num discurso destinado aos profissionais da indústria do turismo, que apelaram ao seu partido, durante uma reunião organizada quinta-feira em Tunes, para esclarecer a sua posição sobre as liberdades individuais, a fim de acalmar os receios dos turistas europeus para com a situação na Tunísia após a vitória de Ennahdha nas eleições para a Assembleia Constituinte.
Para vários participantes, a solução rápida para relançar a actividade turística é restaurar a confiança dos turistas europeus no destino turístico da Tunísia e corrigir a imagem errada de insegurança propagada no estrangeiro.
Um grande número de profissionais sublinhou que o espírito de abertura da Tunísia deve ser tangível e perceptível no terreno e não apenas em palavras simples, exortando o Movimento Ennahdha a traduzir o seu discurso em acção, contrariando todos os aspectos de violência divulgados por alguns elementos extremistas que se assumem como pertencentes à Ennahdha.
Hamadi Jebali indicou que o movimento vai “assegurar a liberdade total em matéria de alimento, de bebidas e de vestuário”, e afirma que “são liberdades individuais que não podem ser impostas pela força”.

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: AFP

 

DEIXE UMA RESPOSTA