Presidente é candidato e pede voto de confiança

Yahya Jammeh garante à população que vai apostar no desenvolvimento do país

O Presidente gambiano, Yahya Jammeh, instou a população de North Bank a votar nele nas eleições presidenciais de 24 deste mês para mais desenvolvimento à região e ao resto do país.
O Presidente Jammeh, que falava durante uma etapa de campanha em North Bank, disse aos seus apoiantes em Kerewan que o seu governo favorecia o desenvolvimento da região e se um outro mandato lhe for concedido, o seu governo vai realizar outros projectos de desenvolvimento.
“Não estou aqui para fazer campanha, mas para vos ajudar a escolher entre o desenvolvimento e a oposição. Se desejam o desenvolvimento, votem em mim, mas se não querem o desenvolvimento votem na oposição”, afirmou.
O Presidente gambiano, no poder há 17 anos, pediu, também, à população da região a não ouvir a oposição, porque “os seus líderes não têm nenhum projecto para o país”.
Yahya Jammeh tomou o poder a 22 de Julho de 1994 após um golpe de Estado contra o primeiro Presidente gambiano, Dawda Jawara.
Para o único candidato independente às eleições presidenciais de 24 deste mês na Gâmbia, Hamat N.K. Bah, o país está maduro para a mudança a fim de apaziguar os sofrimentos da população.
Em campanha em Birkama, Pirang e Sotokoi, na província de West Coast, o opositor gambiano afirmou que é tempo de realizar uma mudança de governo e pôr termo à administração do Presidente Yahya Jammeh. E disse que o partido no poder infligiu tantos sofrimentos ao povo que é tempo de se livrar dele.

Bah pediu aos seus apoiantes para não recusarem o arroz distribuído pelo Presidente Jammeh, fazendo compreender-lhe que se eles venderem os seus votos por uma ração de arroz de cinco dias vão ser “escravos” durante os próximos cinco anos.
Apoiado por quatro partidos políticos, Bah é o mais forte opositor ao Presidente cessante da Gâmbia, Jammeh, e ao principal candidato da oposição, Ousainou Darboe.

 

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: AFP

DEIXE UMA RESPOSTA