Pepetela apresenta em Luanda a obra “A sul. O sombreiro”

Escritor angolano Artur Pestana "Pepetela"
Escritor angolano Artur Pestana "Pepetela"

Luanda – O escritor angolano Artur Pestana “Pepetela” apresenta nesta quinta-feira (24), em Luanda, o seu novo livro de romance intitulado “A Sul. O Sombreiro”, depois de o ter feito a 16 deste mês em Benguela.

Segundo uma nota enviada hoje, quarta-feira, à Angop, a obra fala sobre os primórdios do colonialismo, na qual o autor mostra uma época desconhecida da história de Angola nos séculos XVI e XVII.

Com 360 páginas, o livro retrata a história de Manuel Cerveira Pereira, governador de Angola de 1615 a 1617, conduzindo o leitor a Angola dos séculos XVI e XVII, enquanto Portugal vivia sob domínio filipino.

O romance, publicado sob chancela da Textos Editores, tem como pano de fundo a fundação da cidade de Benguela, em 1617, com destaque para o trajecto de vida conturbado do português Manuel Cerveira Pereira e o papel da Igreja Católica na altura.

Artur Pestana “Pepetela”,  nasceu em Benguela, em 1941, tem no mercado as obras “Muana Puo, em 1978”, “Mayombe, 1980, (prémio nacional de literatura)”, “O cão e os calús, 1985”, “Yaka, 1985”, “Lueji – o nascimento de um império, 1990”. “A geração da utopia, 1992”, “Parábola do cágado velho, 1996”, “A gloriosa família, 1997”, “A montanha da água lilás, (fabula) 2000” e “Predadores,
2005”.

Licenciado em sociologia em Argel, Pepetela foi guerrilheiro do MPLA, político e governante. Desde 1984 é professor na Universidade Agostinho Neto, em Luanda.

Pepetela tem no seu palmarés o Prémio Camões de Literatura, conquistado em 1997. É também membro da União dos Escritores Angolanos (UEA).

Fonte: Angop

Foto: Angop

DEIXE UMA RESPOSTA