Ministros noruegueses visitam Angola para estreitamento de relações

Luanda– Os ministros noruegueses do Comércio e Indústria, Trond Giske, e do Ambiente e Desenvolvimento Internacional, Erik Solhein, visitam oficialmente o país de 22 e 24 deste mês, para o estreitamento das relações entre os dois estados.
O facto foi anunciado hoje, quinta-feira, em Luanda, pelo embaixador da Noruega em Angola, Jon Vea, durante uma entrevista à Angop, para abordar as relações de amizade e de cooperação entre os dois Estados.
Segundo disse, os ministros deslocam-se numa missão conjunta, acompanhados por representantes dos ministérios, instituições norueguesas, bem como mais de sessenta empresários de topo da Noruega.
Salientou que ambos ministros terão audiências separadas com as relevantes entidades governamentais angolanas.
Referiu que a Noruega considera a referida visita como importante passo para o reforço do diálogo político, na sequência das visitas do ministro dos Negócios Estrangeiros, Jonas Gahr Stoere, em Novembro de 2009, e do secretário de Estado do referido Ministério, Erik Lahnstein, em Fevereiro de 2011.
Asseverou também que para alem da intenção de promover os investimentos noruegueses na área comercial e industrial em Angola, encetando conversações sobre potenciais e consensuais áreas de interesse, pretende-se também actualizar a cooperação já existente, definindo novos acordos e memorandos de intenção.
Frisou que o governo norueguês esta também interessado em iniciar negociações para um acordo de comércio livre entre os dois países, que contenha cláusulas sobre segurança e investimento.
Ainda no âmbito da visita dos ministros noruegueses, o diplomata avançou que pela primeira vez uma renomada empresa norueguesa de design e arquitectura, designada “ Snohetta”, fará parte da delegação.
Disse que a empresa foi autora de projectos arquitectónicos de envergadura em diferentes partes do mundo, nomeadamente a “Biblioteca de Alenxandria”, “Oil Convention Center”, na Arabia Saudita, o “Ground Zero” em Nova York e a “Nova Opera da Noruega” em Oslo.
Fonte: Angop
Foto: Angop

DEIXE UMA RESPOSTA