Milhares de estudantes manifestam nas ruas de Londres

Manifestantes protestam em Londres contra as medidas de austeridade adotadas pelo governo britânico.
Manifestantes protestam em Londres contra as medidas de austeridade adotadas pelo governo britânico.

Milhares de estudantes foram às ruas da capital britânica nesta quarta-feira, 9 de novembro, em protesto contra o aumento do custo da universidade, uma das medidas de austeridade impostas pelo governo para cortar os gastos públicos do Reino Unido. A passeata acontece um ano após de uma manifestação popular marcada pela violência, que resultou na prisão de 400 pessoas. A polícia foi autorizada a usar balas de borracha para conter os estudantes.

Um forte esquema de segurança foi montado para acompanhar a manifestação. Cerca de 4 mil policiais foram colocados à disposição nas ruas de Londres para vigiar os estudantes. As autoridades britânicas chegaram a autorizar as forças de ordem a utilizar balas de borracha para conter os manifestantes – coisa rara no país, onde a polícia normalmente não é armada.

Segundo os organizadores, cerca de 10 mil pessoas participaram da marcha, que não registrou incidentes graves. A polícia contabilizou 2 mil manifestantes. Os jovens contestam o aumento das anuidades universitárias, que devem passar no ano que vem das 3 mil libras atuais (8,3 mil reais) para cerca de 9 mil libras (25 mil reais).

Os militantes anti-capitalismo aproveitaram o protesto dos estudantes para armar cerca de 20 barracas na praça Trafalgar Square. A polícia retirou as tendas poucos minutos depois, temendo uma instalação permanente no local, como acontece desde o mês passado diante da catedral Saint-Paul, em pleno bairro financeiro da capital.

 

Silvano Mendes

Fonte: RFI

Foto: REUTERS/Andrew Winning

DEIXE UMA RESPOSTA