Fábrica de água mineral cria empregos em Malanje

Cerca de cinquenta jovens arranjaram o primeiro emprego na fábrica de água mineral “Fonte de Amor” do Grupo Freimar, no sector do Quissol, a 18 quilómetros a sudeste da cidade de Malanje.
Cerca de cinquenta jovens arranjaram o primeiro emprego na fábrica de água mineral “Fonte de Amor” do Grupo Freimar, no sector do Quissol, a 18 quilómetros a sudeste da cidade de Malanje.

Cerca de 50 jovens arranjaram o primeiro emprego na fábrica  de água mineral “Fonte de Amor” do Grupo Freimar, no sector do Quissol, a 18 quilómetros a sudeste da cidade de Malanje.

O empreendimento  inaugurado no dia das comemorações do trigésimo sexto aniversário da independência de Angola e que  vai produzir 7.500 garrafas de um litro e meio de água e outras de 33 centilitros por hora nos turno da manhã e da tarde, abriu as portas  para António Joaquim Pedro, de 22 anos de idade e Alfredo Domingos Gouveia Andre, tem 22 anos de idade.

“Com esse primeiro emprego vai haver muita mudança, porque é isso que eu preciso” afirmou satisfeito António Pedro apto no concurso público, onde Alfredo André conseguiu a vaga de paletizador.

Espero “ter uma casa própria com o salário que vou receber aqui, se o salário for compatível”, disse.

Cerca de cinco milhões de dólares americanos foram investidos na construção das infra-estruturas, aquisição e montagem do equipamento de origem chinesa e em acções  sociais para apoiar  os habitantes das comunidades circunvizinhas.

O presidente do conselho de administração do Grupo Freimar, Marcos Barros da Fonseca detentora da fábrica de água “Fonte de Amor” promete cumprir os objetivos preconizados.

“em termos de investimento globalmente gastamos até a fábrica funcionar, muito próximo dos cinco milhões de dólares, porque para além da fábrica que vai produzir água mineral nós também investimos um bocadinho na área social, com a construção de uma escola com uma sala de aulas para o bairro mais próximo, o que dista, salvo erro 500 metros da fábrica, é nossa intenção construir uma residência para o regidor e vamos cumpri-lo e provavelmente também  pudemos oferecer à comunidade local um posto médico para acudir problemas que ligados com a saúde”.

Marcos Barros da Fonseca que defende a formação e superação contínua dos técnicos para produção da excelência anunciou para 2012 instalar uma linha de produção de soda e de água tónica.

O governador Boaventura da Silva Cardoso procedeu ao corte da fita da unidade de produção que comporta as áreas fabril, laboratório, armazenamento, trânsito, refeitório, transporte, lavabos, jardim e horta.

 

Por Isaias Soares | Malange

Fonte: VOA

Foto: VOA

1 COMENTÁRIO

  1. Exmos. Senhores.
    Sou biólogo, doutorada em microbiologia, com livro editado sobre tratamento de aguas residuais. Recentemente obra literária editada, um romance.
    Muitas participações em conferencias internacionais.
    Estou neste momento ligada a um estudo cientifico de investigação da Universidade de Aveiro/Portugal.
    Conhecendo a v/ empresa (de nome), e sendo filha de mãe benguelense, muito gostaria de saber se haverá vaga para uma técnica de laboratório e pesquisa.
    Respeitosamente
    Lia

DEIXE UMA RESPOSTA