Evolução do tango até hoje é recriada em espectáculos

Músicos argentinos vão trocar experiências com a Escola de Música Kapossoca
Músicos argentinos vão trocar experiências com a Escola de Música Kapossoca

Os cantores argentinos Cláudia Pannone e Hector Pilatti realizam, hoje e amanhã, às 21h30, em Luanda, no Hotel Vitória Garden, dois espectáculos com coreografias e temas que privilegiam, particularmente,  a evolução do tango, do tradicional ao mais moderno.
Cláudia Pannone declarou, numa conferência de imprensa, na Embaixada do seu país, que tenciona “criar emoções fortes” no público durante os espectáculos.
A cantora, que disse conhecer pouco sobre Angola e do conhecimento que os angolanos têm do tango, frisou que o objectivo é apresentar uma retrospectiva deste género de música e que aceitou o convite para actuar em Luanda por sempre ter querido conhecer África e ter “boas referências da cultura e hospitalidade dos angolanos”.
Hector Pilatti referiu ter recebido o convite para vir a Angola “com muito interesse e curiosidade” e que quer trocar experiências com artistas locais.
“Quero conhecer melhor a cultura angolana, principalmente areferente a música e os seus instrumentos”, afirmou o artista.
A promotora dos espectáculos de tango, Camila Castro, anunciou que os artistas são acompanhados por quatros bailarinos argentinos e dois angolanos.
Os dois artistas argentinos conhecem amanhã orquestra da Escola de Música Kapossoca.

Os bilhetes para os espectáculos custam 15 mil kwanzas.

 

Manuel Albano

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: Rogério Tuti

DEIXE UMA RESPOSTA