Directora do INAC reconhece dificuldades no cumprimento dos direitos da criança

Angop Directora do Instituto Nacional da Criança (INAC), Ruth Mixinge Directora do Instituto Nacional da Criança (INAC), Ruth Mixinge
Angop Directora do Instituto Nacional da Criança (INAC), Ruth Mixinge Directora do Instituto Nacional da Criança (INAC), Ruth Mixinge

Luanda – A directora do Instituto Nacional da Criança (INAC), Ruth Mixinge, reconheceu hoje, segunda-feira, em Luanda, que existem dificuldades no cumprimento dos 11 compromissos para as crianças, por ser um assunto dependente do engajamento das famílias.

Ruth Mixinge fez este reconhecimento durante a abertura do encontro de Reflexão sobre a Convenção dos 11 Compromissos”, dizendo que é necessário também o envolvimento das famílias para a concretização dos objectivos a que o executivo se propõe, porque a sua implementação não depende unicamente do Estado, mas sim de todos os integrantes da sociedade.
Segundo ela, é importante que as famílias desempenhem o seu verdadeiro papel, garantindo deste modo um futuro seguro, respeitando todas as fases de crescimento.
Apontou também a necessidade do reforço do sistema de registo de nascimento, para que as crianças tenham acesso a uma identidade.
A fonte disse ser importante o reforço das campanhas de sensibilização nos órgãos de comunicação social, com vista a massificar a informação sobre os direitos das crianças, para construção de uma sociedade educada.
Ruth Mixinge mostrou-se preocupada com a constante fuga a paternidade e a falta de prestação alimentar dos encarregados de educação, por serem aspectos que afectam muito a vivência de qualquer criança.
Disse ainda ser preciso fazer uma reflexão dos progressos que tiveram durante o ano preste a terminar e as lacunas registadas para poderem superar e proporcionar melhores condições aos petizes.
Fonte: Angop
Foto: Angop

DEIXE UMA RESPOSTA