William Tonet aguarda em liberdade decisão de tribunal

Imediações da Praça dos Congolenses, um dos troços do percurso da manifestação de sábado, em que manifestou solidariedade para com William Tonet
Imediações da Praça dos Congolenses, um dos troços do percurso da manifestação de sábado, em que manifestou solidariedade para com William Tonet

O director do semanário Folha Oito, William Tonet, vai aguardar em liberdade pela decisão do juiz sobre a reclamação da defesa referente a irregularidades na indemnização de cem mil dólares a altas figuras do Estado angolano.

William Tonet compareceu hoje em tribunal por não ter cumprido com o prazo para o pagamento dos cem mil dólares,  tendo regressado a casa, por falta de pronunciamento do juiz.

David Mendes, advogado de defesa do jornalista, disse que estão a aguardar a decisão do tribunal, que se deve pronunciar no prazo de quarenta e oito horas.

Entretanto, este fim-de-semana a cidade de Luanda voltou a ser palco de manifestações. No domingo, vários jovens dirigiram-se para a esquadra da polícia no município de Viana, para exigir a libertação de dois colegas presos na sequência dos protestos contra a interdição do lançamento do alvo do rapper angolano “Dez Pacotes”,  a “Ditadura da Pedra”. Já na madrugada de domingo, elementos armados assaltaram a residência onde se encontravam cerca de vinte mil cópias do álbum do rapper, um trabalho que crítica o actual chefe de estado angolano. Os jovens acusam as forças de segurança de serem os responsáveis pelo roubo, uma vez que receiam o lançamento público do último trabalho musical do rapper angolano.

 

Neidy Ribeiro

Fonte: RFI

Foto: Domínio publico

 

DEIXE UMA RESPOSTA