Unesco vota na segunda reconhecimento da Palestina

UNESCO
UNESCO

A conferência geral da Unesco, aberta na última terça-feira, em Paris, se pronunciará no fim da manhã da próxima segunda-feira sobre o reconhecimento da Palestina como Estado integrante da instituição. A admissão é recomendada pelo conselho-executivo da organização, mas conta com a dura oposição dos Estados Unidos.

O voto acontecerá no mesmo dia em que o ministro palestino das relações exteriores, Riyad al-Malki, se expressará em sessão plenária da Unesco. Para entrar em vigor, a integração do Estado Palestino deve alcançar dois terços dos votos dos 193 Estados-membros da Unesco.

A adesão pode provocar uma crise grave com a paralisação imediata do financiamento americano à instituição, o que diminuiria em 22% seu orçamento, e causaria um buraco de 70 milhões de dólares a partir de 2011. Duas leis americanas do início dos anos 90 proíbem o financiamento de uma agência especializada das Nações Unidas que aceite a Palestina como Estado-membro.

Vários países europeus, como a França julgam o voto prematuro, visto que o pedido de integração do estado palestino à ONU está em análise pelo Conselho de segurança. A recomendação do conselho executivo da Unesco de atribuir à Palestina o status de membro por inteiro, e não mais de observador, foi votada no dia 5 de outubro, quando a questão foi inscrita na ordem do dia para a conferência geral.
Com a colaboração de Felipe Schueri

 

Fonte: RFI

Foto: REUTERS/Benoit Tessier

DEIXE UMA RESPOSTA