Miss Universo convidada para combater desertificação

A Organização das Nações Unidas convidou a angolana Leila Lopes, eleita Miss Universo 2011, para ser a embaixadora das Regiões Áridas da Convenção das Nações Unidas sobre o Combate à Desertificação.O convite, encaminhado directamente à angolana, foi confirmado pela representação permanente de Angola junto das Nações Unidas para a agência de notícias Angola Press.

A intenção da Convenção é sensibilizar os sectores públicos e da sociedade civil para a importância de políticas vocacionadas para o combate à desertificação e à degradação da terra.O debate em torno do tema passa pela busca de soluções para desafios globais como o problema da seca e da segurança alimentar, gestão mais eficiente da água e o cultivo sustentável dos solos.

A angolana, de 25 anos, foi eleita Miss Universo no último dia 13, em cerimónia realizada na cidade brasileira de São Paulo. Nas suas primeiras declarações após receber o título, a miss declarou que pretendia utilizar sua beleza para ajudar Angola, em especial na luta contra a sida.

Fonte: DN

DEIXE UMA RESPOSTA