Maior feira da moda decorre em Luanda

Idalina Valente Ministra do Comércio
Idalina Valente Ministra do Comércio

A segunda feira internacional da moda que Angola organiza sob patrocínio do Ministério da Geologia e Minas e da Indústria, a Fashion Business Angola 2011, decorre desde ontem em Luanda, nos pavilhões um e dois da Feira Internacional de Luanda (FIL), com a participação de perto de 600 expositores do continente africano, incluindo a única representação não africana, que é Portugal.
A ministra do Comércio, Idalina Valente, que procedeu à abertura do evento, pediu aos presentes para que esta edição sirva para consolidar, de forma mais sólida e sustentável internamente, as parcerias já conquistadas na primeira edição, na qual se estimulou no país este sector, que regista grandes níveis de crescimento no mundo.
A ministra reconheceu que a realização de eventos do género alarga a rede de empresários e promove intercâmbios diversos, não apenas numa questão de estilo, mas naquilo em que se revelam questões pertinentes para o desenvolvimento de actividades com bastante potencial em África. Idalina Valente exemplificou, no quadro de um estudo internacional, que se o sudoeste asiático, a África e a América Latina aumentassem a sua quota de exportações nos negócios da moda em um por cento, 121 milhões de pessoas podiam sair da pobreza.
Esta segunda edição da Fashion Business Angola, que decorre sob o lema “Promover a indústria de confecções é valorizar a mão-de-obra nacional”, aglomera a experiência de 21 países africanos, alguns dos quais com um nível de desenvolvimento do “fashion business” bastante superior ao angolano.
“Todavia isso não é uma desvantagem para Angola, porque temos potencial, temos recursos naturais e humano e apenas precisamos de começar a fazer investimentos e desenvolver políticas para adaptá-los à tecnologia, fazendo uma gestão mais racional dos recursos e, acima de tudo, investir na formação de designers, estilistas, joalheiros e profissionais de cosmetologia”, disse Idalina Valente.

No certame as pessoas podem tomar contacto com diversos eventos que vão aflorar a temática do sector. No final do primeiro desfile de moda ontem realizado, teve lugar a grande festa “Fashion Business Angola”  com DJ Party 2011, o sul-africano de sucesso internacional.

 

ARMANDO ESTRELA

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: José Soares

DEIXE UMA RESPOSTA