Juventude de Luanda sensibilizada para a confirmação do registo eleitoral

Processo mobiliza jovens de vários estractos sociais para cumprirem com o seu dever de cidadania nas próximas eleições gerais
Processo mobiliza jovens de vários estractos sociais para cumprirem com o seu dever de cidadania nas próximas eleições gerais

À porta de entrada do Cine Atlântico, três jovens, que aparentam ter mais de 20 anos, perfilavam-se para actualizar o registo eleitoral. Enquanto aguardavam pelo atendimento, um deles, identificado por Correia João, questiona os seus amigos sobre a vantagem da actualização do registo eleitoral. Mateus, seu amigo, diz ser necessário o registo para que as pessoas com idade eleitoral, como eles, exerçam o seu direito de cidadania, através do voto.
Domingos, atento à conversa, reforçou: “Se não votares, perdes a oportunidade de escolheres livremente o partido pelo qual tens uma grande simpatia”. A resposta parece ter despertado Correia João, vendedor ambulante, que estava na fila para actualizar o seu registo.
Os jovens fazem parte de um grupo mobilizado pela Associação dos Jovens Provenientes da Zâmbia (AJAPRZ) para efectuar o registo naquele posto. Manuel Inácio é um dos milhares de jovens que responderam positivamente à chamada dessa instituição de utilidade pública para que acorressem em massa ao registo eleitoral. “Estou muito satisfeito por ter actualizado o meu registo eleitoral. Assim vou poder votar nas eleições de 2012”, diz, orgulhoso.
A campanha de registo massivo de jovens foi promovida pela AJAPRZ que juntou, no Cine Atlântico, milhares de jovens vindos de vários municípios para procederem à actualização do registo eleitoral. Na ocasião, o presidente da associação, Bento Raimundo, disse que as eleições constituem uma grande oportunidade para os jovens escolherem o partido que apresente melhor programa de governação.
Bento Raimundo pediu aos jovens para “não se deixarem enganar por cidadãos que só pensam em semear a discórdia e a confusão no seio das comunidades”.
“Quem se sentir descontente apresente a sua preocupação com organização e disciplina e não com ofensas a outras pessoas”, afirmou.
Por seu turno, o responsável do gabinete de registo no Rangel, João Fernandes, assegurou ser grande a afluência de jovens aos postos de registo, no seu município e anunciou a abertura, nos próximos tempos, de mais locais naquela circunscrição.

Contribuição à paz

O presidente da UNITA, Isaías Samakuva, pediu ontem, em Luanda, aos agentes eleitorais do seu partido para contribuírem para a defesa da paz, através do respeito pelos princípios do Estado de Direito e da supremacia da Constituição da República.
Isaías Samakuva fez este esclarecimento quando discursava ontem na cerimónia de abertura do primeiro encontro dos agentes eleitorais daquele partido, realizado numa unidade hoteleira a Sul da capital do país.

 

André da Costa|*
*Com Felipe Eduardo

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: Maria Augusta

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA