Dinamarca investe em construções sustentáveis

Prédio da Universidade de Copenhagen foi projetado para reduzir impactos ambientais

São Paulo – O edifício Green Lighthouse Denmark, construído na Dinamarca, é o lar da Faculdade de Ciências da Universidade de Copenhagen e é um prédio completamente verde, projetado para reduzir ao máximo seus impactos ambientais.

O prédio foi concebido de modo a economizar até 75% de energia. O consumo é muito baixo, por fazer uso da ventilação e iluminação natural entre outras características que o tornam ecologicamente correto e podem servir de modelo para o futuro.

É importante que o consumo energético seja reduzido em edifícios. No caso do Light Green, a proposta foi plenamente alcançada, proporcionando poucas emissões, algo que ajuda muito para um país como a Dinamarca, que está sempre procurando novas ideias para reduzir suas emissões de gases de efeito estufa na atmosfera.

A casa possui 950 m2 em uma configuração cilíndrica que garante as condições ideais entre menor superfície e máximo volume. As fachadas ajustáveis ​​permitem que a luz gire em torno do prédio seguindo o sol. Desta forma, a geração ideal de energia é garantida.

A luz do dia é a principal fonte de iluminação. Em termos técnicos, o fator ‘luz do dia’ deve ser de pelo menos 3% em todas as estações de trabalho e no mínimo 2% nos corredores.

 

Fonte: Exame

Foto: Exame

DEIXE UMA RESPOSTA