Carlos Sainz falha Dakar

Espanhol lamenta ausência da corrida
Espanhol lamenta ausência da corrida

Da parte do piloto espanhol, o facto de não conseguir garantir a sua participação com uma equipa competitiva de topo levou-o a declinar a possibilidade de regressar à edição do próximo ano do Dakar.
De acordo com o jornal espanhol “Marca”, Sainz tentou, após saber da ausência da equipa oficial da Volkswagen, montar uma estrutura privada com os Touareg, de forma a poder competir, embora sem sucesso. Restava a possibilidade da BMW, mas o piloto mantém um vínculo à VW, pelo que tal hipótese ficou fora de jogo.
“Disse que só iria com uma equipa em que pudesse ser competitivo, com uma que desse garantias e tal não existe. Portanto, tomei a opção de não ir”, referiu à Marca.
Quanto a Al-Attiyah, o polivalente desportista qatari tinha tudo certo com a BMW, mas o seu primo e xeque Tamim Al-Thani exigiu a presença de Al-Attiyah no país em Janeiro por razões de Estado. Assim, resta-lhe continuar a treinar para os Jogos Olímpicos de Londres, no qual participa na categoria de Tiro.

 

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: AFP

DEIXE UMA RESPOSTA