Cantor Totó dedica concerto à memória de André Mingas

Totó actuou no palco do Miami Beach
Totó actuou no palco do Miami Beach

O cantor angolano Totó dedicou o seu concerto realizado quinta-feira, no palco do Miami Beach, em Luanda, à memória do músico André Mingas, falecido esta terça-feira em São Paulo (Brasil), por doença.
Totó disse, durante a sua actuação, que o gesto serve para homenagear o contributo dado por André Mingas em prol do crescimento e divulgação da música angolana.
Realçou que o malogrado empenhou-se em questões de preservação e valorização da música nacional, assim como na divulgação de ritmos angolanos no estrangeiro.
Totó considerou André Mingas um “visionário” da música nacional, principalmente na área da harmonia e composição, na qual se apresentava já bastante evoluído.
“André Mingas era um artista muito talentoso e visionário, estava bastante avançado no tempo em termos musicais, ele apresentava nas suas músicas certas técnicas, que nós os jovens só agora estamos a tentar incluir nas nossas obras”, reconheceu.
Totó admitiu também que o antigo assessor do Presidente da República para os Assuntos Locais influenciou a sua forma de cantar, por ser um dos músicos que mais ouvia desde a infância até aos tempos actuais.
“André Mingas, para mim, é uma das principais referências artísticas, devido ao seu talento, forma de cantar e compor as músicas”, sublinhou.

Acompanhado por Nino Jazz, ao piano, Jota, na bateria, Dalú, na percussão e Marabú, no baixo, Totó apresentou, durante cerca de duas horas, um reportório composto por faixas dos discos “Vida das Coisas” e “Batata Quente”.
Músicas como “Histórias da Vida”, “Brincadeira”, “Não é Marido” e “Abre a Porta Tânia”, na qual o artista misturava ritmos como jazz, soul music, R&B e estilos africanos, foram bastante aplaudidas e cantadas em uníssono pelos fãs.

 

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA