Angola procura qualificação

Dupla Morais e Magu defronta na primeira jornada da prova qualificativa o par do Burundi
Dupla Morais e Magu defronta na primeira jornada da prova qualificativa o par do Burundi

A cidade nigeriana de Abuja acolhe de 29 a 31 do corrente a segunda fase do torneio de voleibol de praia em seniores masculinos qualificativo para os Jogos Olímpicos de Londres 2012.
O pare angolano formado por Morais-Magu defronta na primeira jornada da série 4 uma dupla do Burundi. A equipa nacional está inserida numa série acessível, onde o principal opositor é a Nigéria, por jogar em casa e tem o apoio do público.
Moçambique e Gâmbia estão perfeitamente ao alcance dos angolanos. A outra partida opõe Moçambique e a Gâmbia. O vencedor do jogo entre Angola e Burundi enfrenta a Nigéria, que descansa na ronda inaugural por força de calendário.
No torneio, Angola ambiciona os primeiros lugares para marcar presença na finalíssima, a ser disputada entre Janeiro e Março do próximo ano (competição que o país tenciona albergar), uma vez que as possibilidades de apuramento aos Jogos Olímpicos de Londres são maiores.
A dupla angolana realiza hoje o primeiro treino em solo nigeriano. O aprumo incide na melhoria dos aspectos físicos e técnicos. Ontem, aquando da viajem para o local da competição, os atletas mostraram-se confiantes no apuramento.
Entrevistado pelo Jornal de Angola, Morais Abreu disse que o objectivo no torneio de Abuja passa pela qualificação “Descartámos outra pretensão que não ao apuramento. Vamos empenhar-nos para atingir este desiderato”, garantiu.
Quanto aos adversários de Angola na série 4, designadamente Nigéria, Moçambique, Gâmbia e Burundi, o voleibolista referiu que a Nigéria é um adversário a respeitar. “A Nigéria é uma equipa forte técnica e fisicamente.Vamos discutir com as ‘Super Águias’ o primeiro lugar do Grupo D”, prometeu Morais Abreu.

O director da federação angolana de voleibol, José Monteiro, deposita total confiança na dupla angolana por ser experiente. “Morais-Magu sempre representou da melhor forma o país nos torneios internacionais. Estão reunidas as condições para garantirmos a qualificação”, frisou José Monteiro.

 

António de Brito

Fonte: Jornal de Angola

Fotografia: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA