Ler Agora:
Responsabilidade social das empresas em Angola
Artigo completo 3 minutos de leitura

Responsabilidade social das empresas em Angola

O papel das empresas no desenvolvimento do país e sua responsabilidade social foi ontem analisado, em Luanda, durante um seminário promovido pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em parceria com a Embaixada e Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (AECID).
Na abertura do seminário, o embaixador de Espanha em Angola, José Maria Bolibar, disse que as empresas são indispensáveis ao   desenvolvimento de um país, razão pela qual se devem preocupar tanto com o êxito e o crescimento do      negócio, quanto com a comunidade em que estão inseridas e é afectada pela sua actividade.
Para José Maria Bolibar, a responsabilidade social é o modo      como as empresas devem integrar as preocupações económicas, sociais, ambientais e outras da comunidade em que actuam, dentro do seu pacote de operações.
“É um conceito que tem grande importância para o êxito e crescimento de uma empresa a médio e longo prazo e quando ela pretende desenvolver a sua actividade de forma transparente e obter a cumplicidade das povoações”, considerou o diplomata espanhol. Por seu turno, o representante adjunto do PNUD em Angola, Olaf Juergensen, afirmou que as empresas, pelo seu conhecimento e capacidade produtiva, são fundamentais para a construção do desenvolvimento económico, que implica uma economia inclusiva, justa, solidária e sustentável.
A sustentabilidade, prosseguiu, refere-se ao sucesso da empresa no presente e futuro, algo que, por sua vez, está ligado ao seu compromisso com as questões económicas, sociais e ambientais.
Juergensen considerou ser necessário o envolvimento de todos os actores da cadeia de valores, nomeadamente os accionistas, funcionários, fornecedores, clientes e as comunidades em redor, para que a sustentabilidade seja alcançada.
O seminário decorre sob o tema “O papel das empresas no desenvolvimento de Angola e a responsabilidade social corporativa” e    insere-se no Programa de Desenvolvimento Empresarial Sustentável para a redução da pobreza em Angola.
Trata-se de uma iniciativa do PNUD, financiada pelo AECID, com o objectivo de criar um sistema económico e comercial mais sustentável, inclusivo e abrangente aos sectores mais vulneráveis da sociedade.

 

 

 

Fonte: Jornal de Angola

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »