Pedro Neto comanda o futebol angolano

Num acto digno e exemplar para a sociedade angolana, o ex-embaixador de Angola na Zâmbia, general Pedro Neto, é, desde quinta-feira última, o digno vencedor das eleições gerais, na Federação Angolana de Futebol (FAF). Para a eleição de Pedro Neto bastaram 58 votos contra os 27 votos do candidato da lista B, Artur de Almeida. Carinhosamente chamado pelos mais próximos por “Dito”, consta da sua folha de serviço uma passagem pela presidência do 1º de Agosto, em 1997 e 2007. Nascido a 15 de Junho de 1952, é casado e fala fluentemente português, russo, francês e inglês. Praticante da modalidade, tendo como ponto mais alto da carreira a conquista do campeonato distrital pelo Vitória do Bié (1968) e Sporting do Bié (1970), o substituto de Justino Fernandes no órgão reitor do futebol nacional tem como passatempo a leitura, música e cinema, além de praticar futebol nas velhas guardas. Pedro Neto foi igualmente jogador do Ferroviário do Huambo e do ASA (Atlético Sport Aviação). O ex-embaixador de Angola na República da Zâmbia tem no seu programa de acção projectos como a construção de campos de futebol, centros de treino das selecções nacionais, formação de árbitros, treinadores e profissionalização do futebol.

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA