Notificados centenas de casos de violência doméstica

A província do Zaire notificou, durante o ano passado, 412 casos de violência doméstica de diversa tipologia, com maior incidência para as agressões perpetradas por homens contra as mulheres.
De acordo com o relatório anual da direcção provincial da Família e Promoção da Mulher no Zaire, divulgado na terça-feira, dos 412 casos recebidos, constam 116 incumprimentos de mesada, 88 abandonos de lar, 73 fugas à paternidade, 49 desalojamentos e 31 despedimentos do lar.
O documento faz ainda menção de 15 ofensas corporais, dez chantagens, 13 espancamentos, oito adultérios, sete privações de liberdade e seis violações de menores.
As referidas infracções foram cometidas nos seis municípios que compõem a província: Soyo, Nzeto, Tomboco, Kuimba, Nóqui e Mbanza Congo. O relatório da direcção provincial do Zaire da Família e Promoção da Mulher refere que, para dar uma melhor resposta aos casos que chegam à instituição, foi construído um centro de aconselhamento, aguardando apenas pela inauguração.
Durante o ano passado, refere o documentoda direcção provincial da Família e Promoção da Mulher, foram administrados cursos de formação profissional para mulheres e homens, nas áreas de língua portuguesa, corte e costura, panificação, pastelaria e informática.
A direcção provincial da Família e Promoção da Mulher tem levado a cabo uma série de campanhas de sensibilização sobre a luta contra o VIH/Sida, além de palestras, abordando matérias ligadas à problemática da violência doméstica, resgate dos valores morais e cívicos, delinquência juvenil, drogas e exploração de menores.

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA