Ministério da Comunicação Social vai reter o maior número de contributos

Namíbe – O Ministério da Comunicação Social vai absorver o maior número possível de contribuições ao conjunto de diplomas que vai reger o sector nos próximos tempos, disse hoje, na província do Namibe, o vice-ministro do pelouro, Manuel Miguel de Carvalho “Wadijimbi”, durante a sessão de encerramento do terceiro ciclo de debates.

Ao intervir como moderador dos debates conduzidos pelo director do Gabinete Jurídico e o consultor da ministra da Comunicação Social, Bartolomeu Sacramento e Lucas Quilundo, respectivamente, o responsável indicou que esse debate, tal como em outras províncias, não constitui operação de charme.

“É um procedimento que visa o reforço do papel democrático das instituições do sector e da sociedade. Devem compreender que não se trata de charme, o Pacote Legislativo deve acolher o maior consenso possível”, disse “Wadijimbi” quando esclarecia alguns equívocos sobre a validade das contribuições.

Disse que existe um secretariado encarregue da recolha de todas as contribuições. Porém, àquelas que não forem absorvidas nunca devem desanimar os seus autores, porque terão sido analisadas profundamente, antes de preteri-las.

Sem discurso formal declarou encerrada a cerimónia de debates, enaltecendo a contribuição dos participantes.

Participaram dos debates governantes, deputados, entidades religiosas, judiciais e profissionais das províncias do Namibe, Cunene e Huíla.

Fonte: Angop

DEIXE UMA RESPOSTA