Maternidade Lucrécia Paim faz dezenas de partos por dia

A maternidade Lucrécia Paim efectuou em 24 horas 92 partos, 34 dos quais por cesariana, revelou ontem, em Luanda, a enfermeira directora da unidade hospitalar, Ema de Jesus Cunha.
Das 130 pacientes que deram entrada na Maternidade Lucrécia Paim, 23 foram transferidas das unidades periféricas de Luanda. A enfermeira directora, que falava durante a visita de um grupo de mulheres da OMA, no âmbito do Dia Internacional da Criança, assinalado ontem, disse que ultimamente, a Maternidade Lucrécia Paim tem registado um número considerável de grávidas com problemas de saúde, por falta de controlo da tensão arterial durante o período de gestação.
Ema de Jesus Cunha aconselhou as grávidas a fazerem a consulta pré natal para prevenir as patologias graves na altura do parto.
Com capacidade para 450 camas, a maternidade Lucrécia Paim, localizada no município da Ingombota, dispõe apenas de 150, devido às obras de reabilitação em curso.
A secretária municipal da Ingombota da OMA, Maria Alice Lisboa Santos, ofereceu um enxoval ao primeiro bebé nascido no dia 1 de Junho. Era uma menina e nasceu com 3,280 quilos e de acordo com a mãe, vai chamar-se Ana Carolina.
A mãe da bebé, Nina Jeremias, agradeceu o gesto e prometeu tudo fazer para manter a filha saudável.
A ONG Acção Humana realizou ontem uma festa para 300 crianças do Centro de Saúde da Samba.

Durante a festa foram distribuídos brinquedos às crianças doentes.

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA