Manjares dos deuses no festival de gastronomia

Por ocasião dos 394 anos da cidade de Benguela, vários mestres de cozinha juntaram-se para participar no Festival da Gastronomia Angolana que durante três dias deu mais cor e luz a cidade das acácias rubras. Concorrentes provenientes de hotéis, restaurantes e similares de Benguela e de Lobito foram submetidos a uma prova constituída por estética, sabor, aroma e ousadia. Os participantes responderam desafio e confeccionaram pratos à base de peixe, marisco e carnes e também sobremesas. Tudo confeccionado com produtos nacionais e locais, com as frutas, legumes e os vegetais a ofereceram um colorido diferente aos pratos típicos da região. João Gonçalves, presidente da AHORESIA, presidiu ao júri e confessa que o grupo teve muita dificuldade em determinar entre as várias iguarias a melhor, “ uma vez que os participantes surpreenderam pela ousadia e deram a provar sabores indescritíveis”. Outro aspecto que encantou o presidente do júri foi o cuidado que os participantes tiveram com a segurança e higiene. “ Foi o melhor festival de gastronomia feito em Angola”, garantiu. Só para os leitores terem uma ideia, os nossos “ maitres” “inventaram” diversos sabores e formas para o funge. Cozinharam pratos e bolos à base de cerveja nacional, fizeram quizaca com leite de coco e pudins de mandioca e milho com cobertura de chocolate. Os convidados não se fizeram rogados. “ Atacaram” a mesa.

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA