Governo provincial tem projectos para melhorar a assistência médica

O Governo Provincial do Bié disponibilizou 191 milhões de kwanzas para a construção, até Setembro próximo, de um centro hospitalar com especialidades médicas e cirúrgicas, e a expansão e melhoria dos serviços de saúde no município de Chitembo, 170 quilómetros a sul da cidade do Cuito.
O governador provincial do Bié, Boavida Neto, quando falava dos projectos que são da responsabilidade do Executivo, no âmbito do Programa de Investimentos Públicos (PIP), salientou que o cumprimento das obras em curso estão entre as primeiras prioridades e visam dar outras perspectivas de vida aos munícipes.
O governador referiu que na província do Bié vão ser desenvolvidos projectos de construção de infra-estruturas sanitárias em todos os municípios, em função das suas necessidades e prioridades.
O director provincial da Saúde, José Augusto, informou que os serviços de saúde na província do Bié registam avanços significativos e enalteceu a urgência com que o Executivo faz as obras de melhorias no sector.
Para o director José Augusto, as obras em curso nos municípios e comunas da província vão facilitar o atendimento dos pacientes nas áreas onde vivem, evitando percorrer longas distâncias à procura de serviços de saúde.
Por outro lado, estudantes da Universidade Metodista de Angola, que frequentam o quarto ano do curso de Ambiente e Gestão do Território, afirmaram, na cidade do Cuito, que o progresso e a preservação do ambiente depende da participação efectiva e autónoma das mulheres na vida social e cultural do país.

Preservação do ambiente

Os ambientalistas, que falavam num colóquio que reuniu mulheres de diferentes estratos sociais, no âmbito das festividades do Dia Mundial do Ambiente, disseram que a mulher está relacionada com tudo o que de bom que existe na natureza e devem estar vinculadas a todas as áreas do sector social.
O professor do curso de Ambiente e Gestão da universidade, Arnaldo Tayengo, referiu que a mulher é responsável de vários instrumentos que sustentam a vida social, por isso deve merecer atenção especial.
Arnaldo Tayengo lembrou que a província do Bié tem um grande potencial na área do Ambiente e, com o progresso alcançado na reflorestação do Cuito, o Governo Provincial deve continuar a aplicar medidas sustentáveis para a sua preservação.
O académico disse ainda que é notável a preservação do ambiente na cidade e acredita que, em pouco tempo, o Cuito vai ser uma referência do turismo ambiental no país. Apelou aos habitantes do Cuito para aproveitarem as vantagens que o Ambiente oferece.

DEIXE UMA RESPOSTA