Feira de Benguela promove negócios

Governador Armando Neto na abertura da Feira Internacional de Benguela
Governador Armando Neto na abertura da Feira Internacional de Benguela

Um exercício pioneiro. Assim considerou o governador provincial na cerimónia de abertura da Feira Internacional de Benguela, que decorre de 13 a 17 de Maio, e que conta com a participação de 126 empresas.
Armando da Cruz Neto disse que a província está aberta a investimento em vários sectores, pois existem potencialidades naturais para serem exploradas, tendo sublinhado que o evento, realizado pela primeira vez na província, pode significar o início de uma nova era.
“Trata-se de um exercício pioneiro. Julgamos que, com engajamento de todos e particularmente das entidades empresariais, a próxima edição vai ser muito mais atraente.”
A Feira Internacional é mais um instrumento económico, para fazer negócios e lançar produtos no mercado, uma vez que proporciona ao expositor uma aproximação com potenciais compradores nacionais e internacionais, através de uma forma ágil, rápida e directa, disse Armando da Cruz Neto.
Houve muito boa vontade das 126 empresas aqui representadas. A realização desta Feira Internacional foi concebida a longo prazo. O Estádio Nacional de Ombaka apresenta muitos stands, feitos com muito profissionalismo e em conformidade com os padrões de qualidade internacionalmente exigíveis. “Os stands estão destinados à decoração, venda de materiais de construção, trabalho de logística, formação, comunicação e promoção”, disse.
O presidente do Conselho de Administração do grupo Arena, Bruno Albernaz, empresa organizadora do evento, sublinhou que a primeira edição da Feira Internacional de Benguela é um ponto de partida para outras iniciativas. De acordo com aquele responsável, a participação das empresas numa feira deve ser encarada como um investimento, mas é importante que os objectivos sejam alcançados e a estratégia comercial assegurada.
“Reflectir sobre os objectivos de marketing globais da empresa, devendo assegurar-se, no desenvolvimento de acções individuais, a consistência e conformidade com as outras mensagens de marketing da firma, veiculadas através de outras ferramentas e meios de comunicação. A Feira Internacional de Benguela vai tornar-se numa marca verdadeiramente nacional. Tal é demonstrado, não só pelas empresas presentes, mas, sobretudo, pelo enorme interesse manifestado por empresas nacionais e estrangeiras em estarem presentes”, salientou.

 

“A Feira Internacional de Benguela vai ser sempre vista como uma mais-valia, em virtude de se tratar de um espaço privilegiado de promoção, divulgação e vendas. O lugar identificado foi muito bem concebido pelo governo de Benguela, ou seja, o Estádio Nacional de Ombaka”, disse.
O programa da Feira contempla a realização do primeiro fórum empresarial sobre a província de Benguela e o grande corredor do Lobito, a ter lugar hoje, na sala de conferências do Estádio de Ombaka. O evento conta com o patrocínio da Presidência da República e o apoio do governo da província de Benguela, em parceria com a Associação Comercial de Benguela e a Câmara do Comércio e Indústria de Portugal.

 

 

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA