Enfermeiros pedem atenção das autoridades

O presidente da Ordem dos Enfermeiros (ORDENFA) na Lunda-Sul defendeu ontem, em Saurimo, a criação de incentivos para contrapor à fuga de quadros do sector.
Miguel Daniel salientou também a importância da criação de cursos médio e superior de enfermagem para melhorar a qualidade do serviço, de salários compatíveis com o custo de vida e investimentos para a modernização de equipamentos e de oportunidades que resgatem o brio profissional requerido no cumprimento das obrigações.
Miguel Daniel disse que na Lunda-Sul há 800 enfermeiros, número que considerou muito reduzido para as necessidades de assistência das populações.
“Este número é insuficiente para atender a grande procura por cuidados médicos”, disse .

 

 

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA