Diagnosticados novos casos de Sida na província do Zaire

O Programa local de luta contra o VIH/Sida diagnosticou, pelo menos, 136 novos casos durante o primeiro trimestre deste ano, no Zaire, revelou ontem em Mbanza Congo uma nota do mesmo.
Segundo o documento, os casos, que resultaram em oito óbitos, foram registados em maior número a nível do município do Soyo. Esta parcela da província diagnosticou 85 novos casos, seguida de Mbanza Congo, com 44, ao passo que o Nzeto e Tomboco tiveram três cada.
O município com menos pessoas com problemas de VIH/Sida é o Kuimba, que notificou 7.593 casos. Os pacientes recorreram aos testes de forma voluntária nas unidades hospitalares.
No âmbito da campanha de prevenção do VIH/Sida, durante o período em análise, o departamento de saúde pública e controlo de endemias distribuiu 62.362 preservativos, 64 folhetos com informações sobre a doença e 52 cartazes, acções realizadas nas escolas, unidades policiais e das Forças Armadas Angolanas.
O departamento provincial de saúde pública do Zaire realizou várias actividades sobre prevenção de contaminação da doença, como seminários de capacitação para supervisores municipais, acções de sensibilização sobre os perigos do vírus, acompanhamento do tratamento com retrovirais de pessoas infectadas e o corte vertical às mulheres grávidas contaminadas em todos os municípios da região.
A nota refere ainda que, no ano passado, foram notificados 145 casos positivos de um universo de 5.564 pessoas testadas, assim como três óbitos pelo vírus da Sida.

Fonte: Jornal de Angola

DEIXE UMA RESPOSTA